quinta-feira, 14 de outubro de 2010

GRITO

Eu queria ler nas estrelas
Poemas de alguém maior
Ter a confiança p’ra caminhar
Sobre as águas sem temor.
Como o simples timoneiro
Que traça o rumo com a sua mão
Quero alcançar um porto seguro
Onde leve esta missão:
Hajam vozes p’ra este grito
que bradem alto porque eu acredito
que a força que faz o mundo girar
está na coragem dos Homens que lutam
e na vontade daqueles que anseiam
Por construir com o amor do Pai
sonhos e esperanças p’ra partilhar.
Como filho predilecto
que faz as delícias de qualquer pai,
Assim Te retribuo o afecto
espalhem a notícia e gritai:
Há sempre alguém que nos acompanha
Que olha por nós
Que nos ajuda a escalar a montanha
e não nos deixa sós.
E se ao fim do dia
me sentir sozinho
guardo estas palavras
retomo o caminho
porque ainda há quem precise saber:
que, em cada passo que avanço,
cada gesto que abraço,
fecho os olhos e é Ele quem vejo sorrir;
Se eu erro, Ele perdoa,
se me esqueço não me abandona
Eis o exemplo de amor a seguir!

Um comentário:

  1. Lindo!...
    Muita paz e muita luz em Jesus e Sua Mãe Bendita
    Maria

    ResponderExcluir